Joênia Wapichana (Rede) é eleita a primeira mulher indígena para cargo na Câmara dos Deputados

Primeira mulher brasileira de origem indígena formada em Direito, Joênia Batista de Carvalho se apresenta como Joênia Wapixana, nome de sua etnia.

Em 09/10/2018 03:44:00 na sessão Cidades

Foi eleita em Roraima a primeira mulher indígena para um cargo de deputada federal no País. Joênia Wapichana, da Rede Sustentabilidade, recebeu 8.267 votos computados até às 22h30, deste domingo, quando havia 98,21% das urnas apuradas. É a segunda vez que um indígena chega à Câmara dos Deputados. O primeiro foi Mário Juruna, pelo PDT, em 1982.

Primeira mulher brasileira de origem indígena formada em Direito, Joênia Batista de Carvalho se apresenta como Joênia Wapixana, nome de sua etnia.

A roraimense de 43 anos também foi a primeira indígena do Brasil a exercer a profissão de advogada. Ela se formou em Direito na Universidade Federal de Roraima, em 1997, e na University of Arizona, nos Estados Unidos. Joênia entrou para a política para se dedicar à defesa das causas dos povos indígenas -- entre elas, a demarcação da reserva indígena Raposa Serra do Sol.

No site de financiamento coletivo criado pela campanha de Joênia, entre as bandeiras defendida estão: os direitos coletivos dos indígenas, a atuação pelo desenvolvimento sustentável no Estado de Roraima onde contemple as diversidades socioculturais, a realidade de Roraima e com respeito ao meio ambiente e a atuação contra a corrupção.

Fonte: Jornal Extra



Por Olhar Cidade 09/10/2018 03:44:00

Mais notícias da sessão: Cidades